UE critica a atual política de direitos autorais

Share

Um dos comissários da União Européia, Neelie Kroes, criticou o atual sistema de proteção dos direitos de propriedade intelectual, o famoso copyrigth. Em seu discurso no fórum sobre cultura e mídia em Avignon, no sábado, o político holandês disse que milhões de dólares são investidos para tentar fazer valer os direitos de um autor, para que não ocorra pirataria.

Falando com franqueza incomum, Kroes disse que, ao ouvir a palavra “copyrigth”, tem a sensação que a palavra “ódio” esteja por trás. “Infelizmente, muitos vêem o atual sistema como uma ferramenta para punir e reter, e não uma ferramenta para reconhecer e recompensar um trabalho criativo”, acrescentou.

O comissário continuou dizendo que o sistema de copyright atual não fornece recompensa econômica para os profissionais. “Metade dos artistas plásticos no Reino Unido e metade dos autores da Alemanha, por exemplo, recebem menos do que € 1000 por mês de seus direitos autorais em obras “, advertiu Kroes.

 

Leia mais em www.h-online.com