Facebook irá extender seus recursos de segurança

Share

De acordo com estatísticas do próprio Facebook, apenas 0,06 por cento de todas as tentativas de login para o serviço de rede social estão comprometidas. Este valor é parte de um infográfico de segurança do Facebook lançado por ocasião do “Mês Nacional da Consciência de Segurança Cibernética”, há poucos dias, para ilustrar como a empresa está levando a sério a segurança de seus usuários. No entanto, um total de aproximadamente um bilhão de logins por dia sugere que 600.000 deles serão “comprometida” – é um número alarmante.

 

Aparentemente, a maioria das contas são comprometidos de fora para dentro do Facebook, por exemplo, quando os titulares de contas usam o mesmo login para vários serviços. Se os dados da conta são roubados de um dos serviços específico, o usuário se torna presa fácil para um ataque de phishing, onde as informações da conta roubada muitas vezes pode também ser facilmente utilizadas para entrar no Facebook, além de outros serviços, é claro.

Para impedir o êxito de logins com os dados de contas roubadas, “Aprovações de Login” já estão disponíveis há algum tempo: os usuários podem autenticar através de um código que é enviado como mensagem de texto para o celular quando fazem login de um computador não reconhecido. Nas próximas semanas, o Facebook planeja introduzir um mecanismo de segurança adicional que é listado como “Guardian Angels” no infográfico. Quando suas contas de e-mail estão bloqueadas, os usuários não podem redefinir suas senhas de contas do Facebook através do mecanismo usual. Em tal emergência, os usuários serão capazes de nomear três “amigos de confiança” a quem Facebook enviará códigos. A conta de Facebook pode ser acessada apenas se todos os três códigos forem inseridos. O Facebook também planeja melhorar a segurança do usuário via app específico para as senhas (“Senhas App”).

 

Fonte: www.h-online.com

Quer continuar por dentro das novidades do Blog Seja Livre? Siga o nosso perfil no TWITTER, curta a nossa página no FACEBOOK ou adicione o Blog Seja Livre nos seus círculos do GOOGLE+.