EA “decepciona” participantes da UDS

Share

Um dos momentos mais aguardados esta semana pelos participantes da Ubuntu Developer Summit, e por todos nós membros da comunidade Linux, era o discurso da Electronic Arts sobre os “games para Ubuntu”.

Até hoje cedo, todos nós esperávamos ansiosos por dados concretos e até datas dos lançamentos dos grandes nomes da EA, como Battlefield e The Sims, para Ubuntu… porém o discurso de Richard Hilleman da EA não foi bem o que queríamos ouvir.

O principal produtor da EA, após ter “elogiado as plataformas abertas”, como o Ubuntu e o Google, chamando-os de “espaços em branco” com incrível potencial de crescimento entre os outros produtos, foi muito vago ao definir a verdadeira estratégia da empresa com o Ubuntu, e consequentemente com outras plataformas livres.

Das poucas coisas que falou, foram marcantes a intenção da EA em desenvolver aplicações em HTML5 e WebGL (como os jogos que ela já disponibilizou na Central de Programas do Ubuntu), a cooperação com a Canonical no campo da “compatibilidade de hardware”, além de deixar claro que a EA espera medir o “sucesso” dos games no Ubuntu e não o “retorno financeiro”.

A notícia na íntegra pode ser lida no OMG!Ubuntu neste link. E ai? O que achou desse “possível conto de fadas”?

Quer continuar por dentro das novidades do Blog Seja Livre? Siga o nosso perfil no TWITTER, curta a nossa página no FACEBOOK ou adicione o Blog Seja Livre nos seus círculos do GOOGLE+.