Desbravando a ferramenta de monitoramento Dstat

Share

Na rotina diária de um usuário ou administrador de sistema linux, existe a preocupação diária sobre o estado do sistema. Existe diversas ferramentas para essa atividade tais como, vmstat, iostat entre outras. Porém hoje, iremos apresentar a ferramenta dstat. Vamos ao que interessa !!!

Dstat

É uma ferramenta versátil que pode substituir o vmstat, iostat, netstat, nfsstat e ifstat. Os plugins da mesma cobrem uma gama considerável de tarefas. Você pode, por exemplo, combinar em uma saída que aponte para o processo que atualmente monopoliza a maior parte da RAM e visualizar quem está gerando i/o.O Dstat também permite visualizar a CPU, disco e carga de rede. Obtendo essas informações, poderá visualizar aonde está ocorrendo uma sobrecarga. O pacote para instalação do dstat está disponível para maioria das distribuições.

Exemplos:

Simples utilização:

# dstat

Visualizar o processo que está consumindo a memória ram

# dstat –top-mem

Visualizando a carga de I/O

# dstat –top-io

Usando o plugin de tempo empregado juntamente com a CPU, rede, disco, carga, processos e top cpu:

# dstat -tcndylp –top-cpu

 

Fonte

 

 

Quer continuar por dentro das novidades do Blog Seja Livre? Siga o nosso perfil no TWITTER, curta a nossa página no FACEBOOK ou adicione o Blog Seja Livre nos seus círculos do GOOGLE+.