Como evitar a atualizações de alguns pacotes no Ubuntu, Mint ou Debian?

Share

Imagina que você tenha algumas aplicações personalizadas instaladas no seu sistema, ou algumas versões razoavelmente estáveis de um ou mais pacotes em particular e que não quer atualizar, a menos que esteja plenamente certo de que, após a atualização, tudo irá continuar do jeito que está.

É extremamente importante manter seu sistema atualizado com as novas versões disponíveis nos repositórios da sua distribuição, porém se o seu caso se parece com o que comentamos acima, você iria deixar de atualizar todo seu sistema simplesmente porque quer manter um pacote ou uma aplicação em uma determinada versão, correto? Errado! Você não precisa fazer isso. Vamos aprender a atualizar somente o que queremos em nosso sistema.

Para conseguir isso, a melhor opção é incluir os pacotes que desejamos manter sem atualização em uma lista negra de atualizações.

NOTA: Uma das finalidades das atualizações são as correções de segurança. Só deixe de atualizar um pacote se você tem total certeza disso.

Para adicionar um pacote na lista negra no Debian, Ubuntu ou Linux Mint (ou qualquer outra distribuição que seja Debian-based) iremos usar o nosso amigo dpkg (leia mais sobre ele aqui):

Usando o dpkg para evitar atualização de pacotes no Linux

A sintaxe para mantermos algum pacote sem atualização usando o comando dpkg é:

echo “packagename hold” | dpkg –set-selections

Onde packagename é o nome do aplicativo ou pacote que queremos manter. Por exemplo, o Rhythmbox.

echo “rhythmbox hold” | dpkg –set-selections

Para remover o pacote da lista negra, usaremos o seguinte comando:

echo “nombrePaquete install” | dpkg –set-selections

No nosso exemplo do Rhythmbox, ficaria assim:

echo “rhythmbox install” | dpkg –set-selections

Outra forma de você fazer isso é editando o arquivo /etc/apt/apt.conf.d/01autoremove, onde deverá adicionar o nome do aplicativo ou pacote que quer manter a versão atual no fim do arquivo, na seção Never-MarkAuto-Sections, como mostrado abaixo:

sudo nano /etc/apt/apt.conf.d/01autoremove

Never-MarkAuto-Sections
  {
        "metapackages";
        "restricted/metapackages";
        "universe/metapackages";
        "multiverse/metapackages";
        "oldlibs";
        "restricted/oldlibs";
        "universe/oldlibs";
        "multiverse/oldlibs";
        "rhythmbox*";
  };

Se você utiliza outra forma ou aplicação para manter a versão de um pacote na sua distribuição Linux, compartilhe conosco abaixo!

Fonte