103.8 – Edição básica de arquivos com o vi

Share

Posso afirmar que sou um fã incondicional do editor vi. Suas funcionalidades e sua versatilidade é o que mais atrai. Consolidado em grande parte das distribuições, o editor vi é uma excelente ferramenta na edição de arquivos e outros, bem como, agilizando as tarefas do dia a dia na administração ou utilização de sistemas operacionais linux.O vi é um editor de textos que possui dois modos de interação com o usuário: o modo comando e o modo edição. Quando iniciado, o vi fica no modo edição pode ser acessado teclando-se I ou Insert e o modo comando, teclando-se ESC.

Abaixo segue uma pequena relação das teclas de navegação:

O,$ – Início e fim de linha;

1G,G – Início e fim de documento;

:q! – Sai do vi sem salvar;

:w – Salva o arquivo corrente;

:e nomedoarquivo – Abre o arquivo nomedoarquivo;

:u – desfaz a última ação;

/,? – Busca para frente e para trás;

a,A – Entra no modo de inserção na posição atual do cursor.

o,O – Adiciona linha e entra no modo de inserção;

s,S – Apaga item ou linha e entra no modo de inserção.

Segue abaixo alguns artigos já publicados no seja livre sobre o vi:

https://sejalivre.org/tudo-que-voce-queria-e-precisa-saber-sobre-vim/

https://sejalivre.org/trabalhando-com-o-vi/

https://sejalivre.org/vim-parte-1/

Literaturas sobre o vi

Sou fã e utilizo bastante (não querendo fazer propaganda) do Guia de consulta rápida – Editor vi do Roberto Severo de A. Coelho, Editora Novatec, utilizo no meu dia a dia e posso afirmar que é uma literatura extremamente útil na utilização do editor vi.

Quer continuar por dentro das novidades do Blog Seja Livre? Siga o nosso perfil no TWITTER, curta a nossa página no FACEBOOK ou adicione o Blog Seja Livre nos seus círculos do GOOGLE+.