Você sabe o que seu filho anda fazendo na internet?

internet-segura
Share
banner

Olá galera, hoje quero trazer um tema polêmico para discussão: o acesso a web pelas crianças e adolescentes e a supervisão dos pais.

Trago este assunto, porque como gaúcho que sou, li num dos jornais mais populares aqui do Rio Grande do Sul uma matéria sobre o uso da internet pelas crianças, e dentre as muitas abordagens, haviam também algumas dicas.

Na matéria, a Advogada Patrícia Peck Pinheiro, aborda o tema dizendo que, mesmo com a inclusão digital, muitos pais (e isso em boa parte dos lares) não sabem interagir com toda a tecnologia que seus filhos utilizam. Bom, eu ainda não tive o privilégio da paternidade, mas consigo ver dentre a sociedade a qual eu convivo a real preocupação de alguns pais e o completo descaso de outros.

Algumas questoes levantadas:

Controle da navegação:

É recomendado, se possível, o uso de um software de controle paternal, muitas vezes esse bloquei ou restrição é conseguido diretamente com os provedores de internet. É recomendado para os responsáveis pesquisar exporadicamente pelo nome dos filhos nas principais redes sociais e mesmo no Google em buscas de menções e imagens.

No caso do Ubuntu, temos a aplicação Gnome Nanny, que é primordial para essa tarefa de controle da internet.

Idade para acessar:

Este é um ponto delicado, tendo em vista os diversos tipos de educação familiar e a maturidade dos filhos. Na minha opinião não deve haver restrição quanto a idade, quanto antes uma criança ser inserida no meio digital melhor, reforço que isso é o meu ponto de vista.

Senhas:

Em especial as das redes sociais usadas pelas crianças, o pai DEVE saber quais são e monitorar o que a criança faz. Muitas vezes ela pode cair em alguns truques ou armadilhas de maneira inocente, mas com certeza o outro lado (que sempre é desconhecido) não terá a mesma inocência.

O papel dos Educadores:

Nessa etapa eu me incluo também, visto que sou instrutor de informática na minha cidade. Especialmente nós, instrutores de informática, tanto de escolas especializadas, quanto de colegiais, temos o dever de abordar o tema de maneira ética e instruir o bom uso da Internet, mostrar formas de navegação segura e sim, sem querer ser extremista, insentivar o uso do Linux com Sistema Operacional, evitando que o computador seja afetado por virus em demasia. Na maioria das famílias brasileiras o computador é compartilhado. Um virus que uma criança por ventura pegue, pode ser usado para roubar as senhas de acesso a um banco que o pai da mesma é cliente.

Alumas outras questões:

-Perfis nas redes sociais: Sabemos que a maiorias delas solicita um limite mínimo de idade para participar da rede, se formos colocar uma média talvez seja 14 anos aproximadamente. Não se deve permitir a criança burlar essa regra criando um perfil com idade falsa, uma solução para isso seria o responsável criar um perfil em seu nome e compartilhar a gestão do perfil com seu filho.

-Acesso a E-mail: Senhas de e-mails jamais devem ser de desconhecimento dos pais.

-Acesso via Smartphone: Como um smartphone é algo muito pessoal, fica mais dificil controlar os acessos dos usuários. É  ideal que se use uma senha de bloqueio no aparelho, além de usar programas para o bloqueio remoto de informações.

-Tempo de navegação: Até os 10 anos não é recomendado usar a internet por mais de duas horas por dia, mais tarde quando o cumputador se torna uma ferramenta mais necessária pode-se ampliar chegando a um período de quatro a seis horas.

Concluido…

Sem dúvida é preciso tomar muito cuidado com a relação de nossos filhos com a internet, e a tecnologia de um modo geral. Nunca prive seu filhos de algo sem explicá-lo o por que disso. A proibição pode gerar uma curiosidade, e essa curiosidade surtirá o efeito contrário do que você deseja.

Abaixo eu separei alguns links úteis que irão abordar melhor o assunto e lhe ajudar nesta tarefa (que é muito difícil):

http://www.internetresponsavel.com.br/pais/explorando-a-web.php – site com bastante conteúdo sobre o tema que abordamos

http://www.bemestaresaude.net/2011/06/guia-da-internet-para-criancas12-dicas.html – dicas para uso da internet pelas crianças

http://nerdpai.com/ – O Nerd Pai é um dos blog com mais conteúdo sobre a relação filhos e tecnologia. Recomendo!!!

E você, qual sua opinião sobre isso? Já passou por alguma situação semelhante? Compartilhe conosco suas experiências e pontos de vista.

PUBLICIDADE


Quer continuar por dentro das novidades do Blog Seja Livre? Siga o nosso perfil no TWITTER, curta a nossa página no FACEBOOK ou adicione o Blog Seja Livre nos seus círculos do GOOGLE+. Se você usa ORKUT, nós também estamos lá, inclusive no IDENTI.CA e Linkedin.

Sobre o Autor

Este artigo foi enviado por um de nossos leitores. Se você quer ter algum artigo seu publicado aqui no Blog Seja Livre, envie-nos um email para contato@sejalivre.org e teremos o maior prazer em publicá-lo. Talvez esta seja a sua oportunidade de se tornar conhecido na web!