Ubuntu Voice: Canonical pede ajuda pra definir o futuro do Ubuntu

Vinícius Vieira 11/09/2013 10
Ubuntu Voice: Canonical pede ajuda pra definir o futuro do Ubuntu
Share

banner

Depois dos últimos lançamentos do Ubuntu, diversos usuários acabaram migrando para outras distribuições (como o ElementaryOS ou Linux Mint) por não concordarem com algumas políticas da Canonical em relação ao Ubuntu, como questões de privacidade, o Unity e etc. Neste período a Canonical criou algumas formas de tentar contornar isso, dando aos usuários algumas formas de opinar sobre o desenvolvimento do Ubuntu, porém a maioria delas não adiantou muito.

Nesta semana (09) a Canonical lançou uma nova plataforma de cooperação para os usuários do Ubuntu: o Ubuntu Voice. Ele consiste num grupo de 20 milhões de usuários que terão a oportunidade de opinar no futuro da distribuição, além de ganharem certas regalias, como receber informações exclusivas por e-mail, participar de sorteios e etc.

Hoje o formulário de inscrição para o Ubuntu Voice já estava bloqueado para receber inscrições, pois em menos de 48 horas a empresa conseguiu atingir sua meta de inscritos!

Mesmo com essa evasão progressiva, o Ubuntu ainda é a principal distribuição Linux?

Sim, claro! A grande maioria dos usuários que chegam ao universo Linux se tornam usuário do Ubuntu devido a facilidade no manuseio, interação com o usuário e a infinita gama de artigos e tutoriais na internet (além da vasta comunidade).

Porém alguns destes usuários, ao descobrirem que o “universo Linux não é só o Ubuntu” e se depararem com posturas da Canonical que a grande maioria não concorda, eles acabam migrando para outras distribuições, e na grande maioria, distribuições baseadas no próprio Ubuntu, como o ElementaryOS e o Linux Mint.

E você, concorda com a iniciativa da Canonical? Será que teremos mudanças mais “a cara da Comunidade” para as próximas versões?

Deixe seu comentário nos campos abaixo.

PUBLICIDADE

Clique Aqui

Quer continuar por dentro das novidades do Blog Seja Livre? Siga o nosso perfil no TWITTER, curta a nossa página no FACEBOOK ou adicione o Blog Seja Livre nos seus círculos do GOOGLE+. Se você usa ORKUT, nós também estamos lá, inclusive no IDENTI.CA e Linkedin.

  • Joise Magarão

    O unity é a melhor interface que conheço, uso ubuntu desde de a versão 9.04 e a nova interface enriqueceu e modernizou o Ubuntu, fiquei fã do ubuntu depois do unity, com ele o uso ficou mais inteligente.

  • wilson

    sou 100% Unity, foi no ubuntu q conheci o maravilhoso mundo linux e por meio dele conheci as outras distros gostei do gnome “interface” já até instalei ele no ubuntu 13.04, mas o unity é meu preferido, e eu penso q se for inventada 100 interfaces para o ubuntu eu usarei sem reclamar.

  • João Paulo Martins Hammer

    Não troco o ubuntu com unity por nenhuma refisefuqui do mesmo, caso contrário prefiro usar o debian que é conhecido por ser o pai da distribuição linux mais popular… apesar que gosto também de suas variáveis como Lubuntu, Xubuntu e Kubuntu.

  • markusslima

    Basicamente a Canonical vem enfiando os pés pelas mãos ao pensar no Ubuntu somente como produto e nem um pouco como SO.
    Isso leva a uma degradação do sistema, leva usuários (antes felizes) para um abismo sem fim a cada versão, obrigando claramente os seus usuários não serem mais seus usuários.
    Com a performace e outros muitos problemas que são deixados de lados à cada versão, sua crescente gama de usuário vai deixando de existir.

    • afrosamurai

      voltem com o Ubuntu 10.10

  • Pingback: Ubuntu Voice: Canonical pede ajuda pra definir o futuro do Ubuntu | ChatSrv

  • Reynegton P. Nunes

    seila, o povo fala tão mal do unity, mas eu acho ela a interface mais produtiva que ja usei, ja tentei usar o mint (cinnamon e mate) achei ambas ruins, o proprio mint eu acho ele totalmente desengonçado, o elementary eh bom, rapido fluido e tal, mas acho mto cru ainda, o ubuntu (com unity mesmo) ainda é a melhor opção pra mim, ja testei o kde (de longe a mais desengonçada no meu ponto de vista),lxde, xfce e o gnome shell
    o shell seria minha segunda opção em interface, praticamente se iguala ao unity em questao de produtividade, mas o unity me cativou, não pretendo sair tão cedo.

  • RodrigoJusti

    Eu mesmo fui um dos que abandonei o Ubuntu e fui pro Elementary OS. Na verdade, ainda sinto falta, pois o Ubuntu vinha praticamente pronto, e o eOS preciso fazer muita coisa depois que instala (e ainda mais com minha humilde internet de 1 Mbps) mas o desempenho entre uma distro e outra é completamente diferente. O Unity precisa ser algo rápido, instantâneo, leve. E não o que é hoje.

  • http://compauta.com/ Erik Paixão

    O grande erro do Ubuntu foi deixar de se focar me performance. O Ubuntu está tão, ou mais lerdo que o windows. Isso é inadimissível

  • Tales Barreto

    Ubuntu não ganha em nada do Mint.