Guia completo de instalação da Intranet Open Source Vindula

Vinícius Vieira 27/07/2012 5
Guia completo de instalação da Intranet Open Source Vindula
Share

bannerOlá pessoal!

Hoje iremos abordar um assunto muito interessante, não só pra quem trabalha com o Linux (ou tenta fazer com que seu chefe aceite usar Linux na sua empresa), mas também pra você usuário Linux doméstico.

Existem diversos projetos Open Source pelo mundo, mas você sabia que alguns deles são brasileiros? É verdade. Estes dias o nosso leitor Emanuel Campos nos enviou uma matéria interessante comparando o Ubuntu, a distro Linux mais badalada, ao Kurumin: um projeto totalmente brasileiro, com os mesmos ideais do Ubuntu, e que não teve tanto sucesso assim. Mas porquê? Infelizmente por que nós brasileiros, muita das vezes, não damos o devido crédito ao que é produzido aqui…

O Vindula é produzido pela Liberiun e é totalmente brasileiro, além de único no mundo no seu ramo: uma solução completa de intranet totalmente Open Source. 

Neste post criamos um passo-a-passo da instalação do Vindula à partir de uma máquina virtual em Ubuntu 10.04, que é disponibilizada gratuitamente pela Liberiun, neste link.

Vamos lá:

Primeiro acesse www.vindula.com.br para fazer o download da solução.

Clique na aba “Downloads” e selecione “Vindula 1.1 VMware

Note que, apesar de podermos instalar o snapshot do Vindula 1.1 Ubuntu 10.04 em VMware, também podemos instalá-lo no VirtualBox, o que será o caso deste guia.

Agora preencha o cadastro e clique em “Salvar” para obter o link de download

Nesta tela você terá a opção de baixar o snapshot totalmente pronto e configurado do Vindula ou as versões .tar.gz ou .tar.bz2, que podem ser usadas para customização completa da ferramenta.

Após o download, vamos abrir nosso VirtualBox. Caso você não saiba como instalar o VirtualBox, clique aqui.

Clique em “File” >> “Import Appliance”

Clique em “Escolher” para abrirmos o arquivo que baixamos

Neste ponto o VirtualBox já reconheceu nossa VM e estamos prontos para importá-la. Clique em “Importar” e aguarde o VirtualBox fazer o seu trabalho

Depois da importação, nossa Virtual Machine com Vindula está pronta para ser iniciada. Clique em “vm” e depois em “Start“, e aguarde o sistema subir

Pronto. Nosso Vindula já está pronto para uso, e de quebra ele já te diz qual o IP você deve acessar para abrir a Intranet.

Será que funciona?

É claro! Nosso Vindula está funcionando perfeitamente. E pra logar na ferramenta e customizar as funções, criar usuários, ou seja, gerenciar sua intranet, use os usuários pré-criados neste link para acessar o painel administrativo.

E voialá!

E se por acaso você precisar de um suporte empresarial pra ferramenta ou um curso de como gerenciá-la obtendo o máximo proveito, a Liberiun oferece pra você. Acesse este link e saiba mais!

PUBLICIDADE


Quer continuar por dentro das novidades do Blog Seja Livre? Siga o nosso perfil no TWITTER, curta a nossa página no FACEBOOK ou adicione o Blog Seja Livre nos seus círculos do GOOGLE+. Se você usa ORKUT, nós também estamos lá, inclusive no IDENTI.CA e Linkedin.