Firefox Web Store será lançada sem suporte a Linux? É isso mesmo?

firefox
Share
banner

Eu também não acreditei, mas infelizmente é verdade…

De acordo com este relatório, a integração da Firefox Web Store com o desktop não estará disponível para Linux, ao menos na primeira versão liberada. Infelizmente você não vai ser capaz de instalar uma aplicação web a partir do Firefox em seu desktop, e lançá-lo como um aplicativo nativo (digo você, porque eu já não uso o Firefox faz tempo….). Os usuários do Windows e Mac já tem este recurso disponível desde a versão Nigthly do Firefox.

Se você tentar instalar um aplicativo de https://apps.mozillalabs.com/appdir/ no Firefox Nightly, no seu Linux, ele irá lançar um erro, como mostrado na imagem abaixo.
Uma verdadeira guerra está travada no Grupo do Firefox no Google, e existem pensamentos amplamente divergentes, como:
“Não vejo a necessidade, agora, de suporte para Linux. 80% dos usuários do Firefox não usam Linux”
E também
“O Linux não é uma outra plataforma, é a plataforma que compartilha nossos valores sobre ser aberto, e é a razão da maioria das pessoas se envolver com a Mozilla, pois acreditam em software livre e na web aberta.”
Você pode acompanhar a discussão aqui e ainda ler a Wiki do projeto aqui.
PUBLICIDADE


Quer continuar por dentro das novidades do Blog Seja Livre? Siga o nosso perfil no TWITTER, curta a nossa página no FACEBOOK ou adicione o Blog Seja Livre nos seus círculos do GOOGLE+. Se você usa ORKUT, nós também estamos lá, inclusive no IDENTI.CA e Linkedin.

  • Pingback: Mozilla volta atrás e decide liberar sua Web App para Linux | Blog Seja Livre()

  • Pingback: Firefox chega ao Ubuntu 12.10 com sua Home Page totalmente redesenhada | Blog Seja Livre()

  • http://Seusite... Sérgio Carvalho

    Isso é um tapa na cara da Comunidade.

  • http://twitter.com/hiper4tivo @hiper4tivo

    Cara, que absurdo! Ridículo.

    Eu sempre usei o Firefox por pensar dessa segunda forma:

    “O Linux não é uma outra plataforma, é a plataforma que compartilha nossos valores sobre ser aberto, e é a razão da maioria das pessoas se envolver com a Mozilla, pois acreditam em software livre e na web aberta.”

    É o único motivo de me manter usando Firefox como navegador padrão.

    Sendo a Mozilla supostamente uma instituição sem fins lucrativos e não uma empresa, eu imaginava que fazia parte de sua estratégia conquistar seus usuários pela diferente postura. Acredito que teria possibilidade de com isso fidelizar os usuários.

    Com postura como essas, está com pensamento como da Microsoft procurando dar um tiro no pé.

    Tenho que considerar usar o Chromium como padrão, e talvez dar um testada no Opera.