A “versão Linux” que a Marinha dos EUA usará em seus Drones será proprietária e fechada

Vinícius Vieira 14/06/2012 2
A “versão Linux” que a Marinha dos EUA usará em seus Drones será proprietária e fechada
Share

bannerRecentemente muitos sites/blogs divulgaram a informação de que a Marinha dos Estados Unidos passaria a usar Linux em seus Drones (aeronaves não-tripuladas), e é mais do que óbvio que a comunidade linux “foi ao delírio” por saber que uma organização importante no cenário mundial está migrando suas tecnologias para plataformas Linux.

Após o anúncio, diversas discussões começaram a aparecer sobre qual tipo de licença o Sistema Operacional destes Drones usaria, e é mais que óbvio que, por questões claras de segurança e política externa, o Departamento de Defesa dos EUA iria criar uma forma de “fechar” este Sistema, tornando-o proprietário, como acabou de ser confirmado por eles:

O Departamento de Defesa dos EUA já emitiu orientações sobre o uso de código aberto em seus sistemas. A Marinha irá combinar algumas licenças GPL com licenças proprietárias para que este software nunca seja divulgado fora do âmbito “governo dos EUA”. Ao tomar esta abordagem, os Engenheiros contratados para modificar o software não devem manter os direitos autorais e licenças presentes em sistemas Linux.

Fonte

PUBLICIDADE


Quer continuar por dentro das novidades do Blog Seja Livre? Siga o nosso perfil no TWITTER, curta a nossa página no FACEBOOK ou adicione o Blog Seja Livre nos seus círculos do GOOGLE+. Se você usa ORKUT, nós também estamos lá, inclusive no IDENTI.CA e Linkedin.